Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/09/15 às 16h27 - Atualizado em 29/10/18 às 17h26

Vem Saber aborda o desperdício nas organizações

Palestra é ministrada por consultora do Sebrae/DF, especialista em sustentabilidade

Com o título “Cinco menos que são mais”, a XVIII edição do “Vem Saber”, realizada no último dia 16, abordou estratégias para evitar o desperdício nas organizações. A capacitação foi ministrada pela bióloga Kátia Machado Vieira, também consultora do Sebrae/DF e instrutora na área de sustentabilidade. 

Durante a palestra, Kátia comentou que seja qual for a atividade, impactos são gerados no meio ambiente. “Há pouco tempo, esse impacto era sustentado pelo equilíbrio entre os materiais descartados pelas empresas, mas a situação crítica que atualmente se encontra o meio ambiente torna difícil a manutenção desse conceito de sustentabilidade”, disse. 

Kátia também explicou a definição de consumo. Segundo a palestrante, nada mais é que o uso de insumos e matérias-primas somado ao seu desperdício. Ela também falou do conceito de “desperdício” e explicou que ele, independente do procedimento utilizado para a coleta do material, é o resíduo não desejado. “Os resíduos são criados a partir da utilização da matéria-prima ou do insumo durante o processo de produção da empresa”, complementou. De acordo com a bióloga, esse desperdício traz como resultado a perda de qualidade desses materiais rejeitados, que poderiam ser utilizados a favor de seu reaproveitamento. 

A palestrante ainda comentou que há a necessidade aumentar a competitividade e reduzir os impactos ambientais negativos da empresa. Ela acrescentou que reduzir custos não significa diminuir competitividade e que as empresas devem ficar atentas a isso. 

Durante a palestra, Kátia exemplificou um procedimento de sustentabilidade ambiental que beneficia tanto a empresa como o meio ambiente. Tudo começa com o levantamento de dados da empresa. Em seguida, devem ser identificadas e relatadas as perdas e as oportunidades de melhoria. A partir dessas informações, um plano de ação deve ser desenvolvido com foco nos benefícios econômicos e ambientais”, afirmou. 

Também foi feito um breve comentário sobre o consumo de energia. A palestrante alertou que o desperdício de energia tornou-se um problema mais sério que o desperdício de água devido à dificuldade de administração. Kátia recomendou que as organizações se preocupem com essa questão. 

A bióloga esclareceu a diferença entre o aproveitamento de resíduos e a reciclagem, conceito facilmente confundido. Segundo Kátia, aproveitar é utilizar material para outras atividades, enquanto a reciclagem é a transformação desse material durante sua coleta, antes não desejado para uma indústria especifica, para o seu reaproveitamento. 

Por fim, Kátia finalizou explicando as três ações essenciais durante o planejamento de projetos ou atividades corporativas: a identificação do problema, traçar o objetivo e observar atentamente o que está ao redor. “Sem o como e o por quê você não chega a lugar algum”, comentou a palestrante.

SLU - Governo do Distrito Federal

Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal

Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal SCS Quadra 08 Bloco “B50” 6º andar Edifício Venâncio 2000 - CEP: 70.333-900 Telefone: (61) 3213-0153